Segunda-feira, 14 de Maio de 2007

Revoltada

 

 

Abertamente, hoje apetece-me falar disto. Porque me revolta. Porque me transcende. Porque me põe fora de mim.

Não gosto de saber que alguém abdica de um sonho, de uma intenção, de um desejo por causa de terceiros que se sentem impelidos compulsivamente a destruir o que alguns conseguem fazer bem. Bem ou mal não importa, mas o que importa referir é que todos somos livres de gostar ou não gostar, só não temos o direito de magoar ou denegrir a imagem de alguém. Neste caso particular,  refiro-me ao facto de ter uma série de blogs de eleição que visito regularmente, e o que mais me preocupa nestas ocasiões é o simples facto de ver as pessoas a desistir de escrever num espaço que é seu, por causa de comentários infelizes, ou então darem-se ao trabalho de justificar certos comentários de pessoas que normalmente nem as conhecem, nem para o bem nem para o mal. É triste quando abro uma página e vejo que por motivos, que custa-me a acreditar que as pessoas se dêem ao trabalho de lhes dar algum crédito, se encontra encerrada por comentários infelizes e desagradáveis. Afecta-me saber que existem pessoas que conseguem fazer passar esse tipo de mensagem e que afectam os seus autores, apenas porque não gostam do estilo ou do assunto, ou que gostam somente de insultar pelo prazer que isso lhes dá.

Não deixem que isso vos afecte, é um pedido meu e julgo que de todas as pessoas que gostam de vos ler.

Na vida real ultrapassamos problemas, dificuldades muito mais importantes e mais graves.

Não gosto de ver ninguém a desistir.

Peço em meu nome. E de todos de quem vos lê.

 

 

Categorias:

Escrito por FlordeLis às 00:00
| Vossas memórias
16 comentários:
De FELINO a 14 de Maio de 2007 às 10:35
Olá
Concordo a 100%, também já tive muito maus comentários e não desistir. Isso é dar-lhes razão. Lutem com as vossas forças e manda-os ir apanhar laranjas ou comer palha.
Beijinhos e dá noícias , ou não gostas-te das arranhadelas?
Ass: Felino


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 00:52
Costumo dizer que o desprezo é o mais bonito. Tanto na vida real como aqui. Infelizmente esse tipo de pessoas nunca constroem nada e o que mais me revolta é o facto de destruir, o que os outros fazem com carinho.



De Vera a 14 de Maio de 2007 às 10:44
Minha amiga, o que dizes é uma grande verdade.
Felizmente nunca recebi nenhum comentário infeliz, mas penso que quem os recebe não lhes deve dar crédito. Devemos aceitar uma crítica quando é construtiva, quando serve para melhorarmos, mas quando é simplesmente pelo prazer de ofender... nem crédito nem resposta. Isso é alimentar o ego de quem não merece nada!
Infelizmente também tenho visto muitos "espaços" a fecharem-se por motivos que não entendo. Mas penso que basta haver uma pessoa que goste de nos ler para que nos sirva de força para ir em frente e tentar melhorar sempre!

Beijinhos


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 00:56
Acredita que me custa bastante ver um blog encerrado por esses motivos. Dá-me vontade de conhecer os seus autores e fazer com que voltem... custe o que custar!



De Secreta a 14 de Maio de 2007 às 14:32
É bem verdade o que dizes. Muitas pessoas fazem comentários de mau gosto e acabam por desmoralizar os autores dos blogues. Apesar de já ter recebido alguns comentários menos felizes , nnc pensei deixar o blog por causa disso. Mas , cada caso é um caso e há pessoas que levam essas coisas mm a sério ...
Beijito.


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 00:59
A minha forma de luta é esta...
Gostava que quem me lesse, fosse também quem já desistiu de publicar em certos blogues e voltasse. Afinal aquele espaço é seu, e não do que os outros querem fazer dele.



De Paulo a 14 de Maio de 2007 às 16:09
Lido em 14 de Maio 2007 as 16h00.
Não sei se o que referes aconteceu no teu Blog ou se te estas a referir a outros,mas independemente do caso, nessas situações o melhor é nem lhe passar cartão, porque o simples facto de lhe responder é estar-lhe a dar credibilidade. Continua a escrever que eu vou continuar a ler e a comentar quando entendoque o devo fazer. eheheheheh
Beijito


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 01:03
Já me aconteceu algumas vezes, mas os cães ladram e a caravana passa!
E tu conheces-me bem para saber que sou assim, não é qualquer coisa que me atinge e muitos menos comentários de quem desconheço e que algumas das vezes nem tem coragem para se assumir.
Escreverei sempre até que os dedos me doam!

Ahahahahahahah....



De devaneiosmeus a 15 de Maio de 2007 às 12:47
Escreve pois até que os dedos te doam, é assim que deve ser...não entendo muito bem quem anda com picardias ou comentarios menos correctos neste mundo virtual...embora considere estes espaços publicos, são tb espaços pessoais onde cada um expressa algo de si, quem gosta do que le e sente que deve comentar, tudo bem mas quem não se identifica passe a frente, nada mais simples...
Bjinhos
Ana


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 13:42
Por mim podem dizer o que quiserem, desde que sirva para melhorar, construir. Na maioria das vezes, parece-me a mim que devem achar que a pessoa é apenas isto que transmite aqui, e todos nós sabemos que isto é uma maneira de por vezes transmitir algo que nos vai cá dentro mas, somos isto e muito mais! Para mim escrever aqui tornou-se num vicio, um vicio saudável , porque não me faz mal a mim nem aos outros, e assim pretendo que seja sempre.



De Mr.Blonde a 15 de Maio de 2007 às 14:10
Os comentários infelizes devem-se a variadíssimas causas. Ou de censura. Ou de inveja.
No meu blog não falo da actualidades ou de opiniões. Mas espero em vir fazer um blog de intervenção. talvez ai sinta esse sentimento de revolta. Mas nunca irei desistir. Não porque não vou ligar os comentários... (até porque comentários egoístas nunca são benvindos...) Mas porque é interessante ver o que um texto pode provocar em alguém desprovido de dois dedos de testa.
Ainda à uns tempos reparei que um blog, talvez por ter um alto teor de gozo por parte duma faixa etária e de um estilo próprio de indumentária, ser fechado por ameaças (!) e de promessas. Não consegui comentar nada. A situação fala por si.
As opiniões respeitam-se. Não se censuram.


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 14:26
Tudo tem um principio , meio e fim. Sem duvida alguma.
Eu, falo por mim , considero este blog, como uma pequeníssima parte de mim, onde gasto algum do meu tempo livre a escrever, a procura das melhores fotos, a ver os comentários de quem me lê , e por ai fora, e que nunca , mas NUNCA vou deixar que alguém me desmotive, me vença seja por palavras desagradáveis , ou por difamações como já vi acontecer em alguns blogs, e isso é que me deixa revoltada. Quando abro um blog e vejo que acabou por pessoas mal formadas deixarem as suas opiniões referentes a pessoa ou ao que escreveu é revoltante, acredita! Tambem já me aconteceu comentários desse género , e simplesmente ignorei. E não gosto de ver as pessoas a sentirem-se afectadas por esses motivos.
Chateia ver que nem sempre se consegue remar contra a maré...


De apenasMadalena a 15 de Maio de 2007 às 16:12
Axo que nem preciso dizer nada, né?
É só para saberes que passei por cá, como sempre, que posso.
Bjokas
Madalena


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 16:24
Escrevi este texto porque além de outras pessoas, o teu caso e o caso do "Sonhador de Alpendre" foram os mais recentes...
Incomoda-me o facto de vocês darem importância a palavras que não deviam causar transtorno, apenas desprezo absoluto.
Ignorem. A sério. É o melhor remédio.




De Fernando a 15 de Maio de 2007 às 17:32
Mas o que foi que aconteceu aqui?


De FlordeLis a 15 de Maio de 2007 às 17:47
Aqui esta tudo bem, como sempre esteve Fernando...
Estou apenas a constatar uma realidade no mundo dos blogs, mas não estou a falar do meu em concreto...
O que é que estavas a pensar?


Memoriza comigo...

Memórias Recentes

...

Para ti...

Fonte

Memórias Passadas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006