Segunda-feira, 23 de Abril de 2007

Sonhos

Hoje queria partilhar a satisfação que me dá em me sentir útil, nem sempre a vida nos corre bem, mas de facto à que manter a esperança, o desejo de vencer na vida, e manter a nossa auto estima no seu devido lugar. Manter os nossos sonhos vivos, sermos fieis ao nossos princípios, manter a esperança viva. E por falar em sonhos, tendo muitas definições entre as quais, definindo-se como produto da nossa imaginação, fantasias, devaneios, vocês ainda se lembram dos sonhos que mantinham em criança quando alguém vos perguntava o que queriam ser quando fossem adultos? Idealizamos profissões, sonhamos com algo perfeito para nós. Tão longe da realidade da vida. Lembro-me tão bem de desejar ser uma bailarina que faria com orgulho parte de recitais que haveriam de correr mundo. Mais tarde, adorava o circo, todo o ambiente que o circunda, queria com certeza ser acrobata, voar no trapézio e receber palmas vindas da multidão. Posteriormente, devido a influências televisivas, hoje tenho a certeza disso, mantive um sonho que por pouco não passava ao lado. Queria ser advogada. Queria defender os oprimidos e grandes causas que supostamente ate já estariam perdidas logo de início, fazer a diferença no mundo, ser reconhecida por isso, defender a lei. Podia ter concretizado este sonho, porque este em particular acompanhou – me até muito tarde. A vida dá imensas voltas e por isso mais uma vez, não se concretizou.

Nem sempre fazemos aquilo que gostamos e tiramos algum prazer disso, ou por vezes até descobrimos acidentalmente outras maneiras de exercermos uma profissão que nos realize e nos complete.

Lutar pelos meus sonhos, sim continuo a lutar, apenas eles agora passam por outras dimensões.

Categorias:

Escrito por FlordeLis às 00:00
| Vossas memórias
16 comentários:
De Cristal a 23 de Abril de 2007 às 14:19
Ao ler o teu Post pensei como sempre luto para ajudar os outros, mas sendo para mim vou-me abaixo.
Dizes que querias ser advogada???Achas que só os advogados podem lutar pelos oprimidos????
Cada vez há mais injustiças e cada vez mais as pessoas só pensam no seu próprio umbigo.
Parabens pelo blog e desculpa a invasão.
Beijo


De FlordeLis a 23 de Abril de 2007 às 17:18
Olá, não tens que pedir desculpa por nada, o prazer de ter-te por cá é todo meu...
É claro que existem muitas profissões pelas quais podemos defender aquilo em que acreditamos e as pessoas, e ajuda-las sobretudo....
Mas até em pequenos gestos podemos ajudar os outros e isso parte de cada um de nós diariamente...


De kenekinha a 23 de Abril de 2007 às 17:20
sonhava e ainda sonho ser piloto por isso fui para paraquedista, mas ao contrario do que se diz o sonho não comanda a vida, beijinho meu anjo.


De FlordeLis a 23 de Abril de 2007 às 18:47
Entendo tão bem o que queres dizer com isso. Como te entendo....



De Fernando a 23 de Abril de 2007 às 17:51
Este post é o reflexo do poder que um telefonema tem. O poder de um Sim, ou de um Não...


De FlordeLis a 23 de Abril de 2007 às 18:48
Ou até de um talvez... passa a oportunidade e nem sempre elas voltam a sorrir-nos.



De Sonhador de Alpendre a 24 de Abril de 2007 às 10:58
Sou um caso raro... sei que sou. Mas acredito que todos podiamos ser assim, casos raros que por serem tantos seriam normais.
Alcançei todos os sonhos a que me propus na infância, transformei em profissões os meus sonhos e num ciclo de tempo, o suficiente para dizer, este já está, agora vou para outro (qd chega o dia que dizes eu já n tenho mais nada para dar a isto e isto ja n tem mais nada p me dar a mim)...cumpri pelo menos cinco deles. Outros se atravessaram pelo meio e se viver até aos 300 anos penso que vou concretizar todos os outros que me surgirão...
Tu podes ser o que quiseres (bailarina, agora será mais dificil, mas possível...) agora o preço é alto, a dor muita, escalar o Everest sem oxigénio é passeio no parque numa manhã de domingo, comparado com oss sobressaltos deste Estar. Depois, o sucesso, a realização, a fama...bah...só fica mesmo é o prazer pessoal da concretização e partilhar essa alegria com os que estão contigo...Se calhar só falta mesmo os livros e o... Amor....mas esse deve estar por aí á espera de vez....talvez

sonhos maçadores (mas tu é que pediste)


De FlordeLis a 25 de Abril de 2007 às 00:30
Espero que pelo menos um tenhas o prazer de o sentir... independentemente do que virá a seguir!




De rainbowsky a 24 de Abril de 2007 às 14:26
Lutar, lutar... e a dimensão das coisas muda. Nem sempre são como nós queremos é certo, mas somos apenas nós que em determinadas alturas podemos mudar algo. A vida vai-nos dando lições, umas mais importantes que outras, umas mais difíceis que outras, mas todas importantes. beijinhos doces do arco-íris**


De FlordeLis a 25 de Abril de 2007 às 00:32
E são essas mesmas lições que nos ensina a dar algumas voltas à nossa vida... por vezes.



De Manuel a 25 de Abril de 2007 às 00:33
Sonhos... São eles que dão razão à própria existência.
Fica bem.
Manuel


De FlordeLis a 25 de Abril de 2007 às 13:16
Mas nem sempre o motivo pelo qual lutamos... há realidades que se sobrepõem aos sonhos de cada um de nós.



De herculanodacosta a 25 de Abril de 2007 às 17:17
"Objecto de Amor"

De tal ordem é e tão precioso
o que devo dizer-lhes
que não posso guardá-lo
sem a sensação de um roubo:
cu é lindo!
Fazei o que puderdes com esta dádiva.
Quanto a mim dou graças
pelo que agora sei
e, mais que perdôo, eu amo.


(Adélia Prado)

xi-coração
herc



De FlordeLis a 25 de Abril de 2007 às 19:21
Obrigada pela tua passagem por este cantinho Herc ...




De Sergio Alex a 25 de Abril de 2007 às 18:40
defender os oprimidos soa bem, claro que o ideal seria que não houvesse oprimidos...
mas, utopias à parte... ainda bem que há muita gente, que ainda não perdeu a esperança de mudar o mundo para melhor, através de pequenos ou grandes gestos. Afinal. todos podemos contribuir para um mundo melhor, nas nossa atitudes e acções do dia a dia.


De FlordeLis a 25 de Abril de 2007 às 19:19
Querido Sérgio... já à tanto tempo que não te via por cá.
A esperança nunca se perde, eu pelo menos apesar de tudo, acredito que há bondade em todos nós, mesmo que às vezes não pareça, mesmo que às vezes em algumas pessoas o ressentimento pareça maior que a sua capacidade de amar e fazer alguma coisa para melhorar o mundo em que vivemos.
Há que acreditar.



Memoriza comigo...

Memórias Recentes

...

Para ti...

Fonte

Memórias Passadas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006