Sábado, 12 de Março de 2011

Capturada

 

 

 

 

 

Apetecia-me ter a tua língua contra a minha num beijo entrelaçado e sequioso do teu gosto.

Vivo o teu desejo em mim, a palmilhar cada poro da minha pele deixando que te entranhes na carne que chama por ti. Deixa-me chegar de mansinho e percorrer o teu corpo com o meu toque perfumado que te excita, que te revela, que te desconcentra em movimentos reveladores de um desejo anunciado. Segredo-te desejos, percorro-te atentamente fixando cada ponto do teu corpo onde te contorces e estremeces, onde te dás e me surpreendes, onde te sinto, onde te vulgarizo em mim. Chupo-te o gosto, toco-te freneticamente, sinto-te pasmado e impotente, sem controle entregue à minha ansia de te ter. Acolho-te em mim, numa intimidade cúmplice de um jogo viciado onde somos meras marionetas que se confundem num único ser. Que se funde.

Ergue-me ao som de um violino e faz do nosso amor um concerto desconcertado!


Escrito por FlordeLis às 15:40
| Vossas memórias
6 comentários:
De antoniomaia a 16 de Maio de 2011 às 20:16
fixe


De FlordeLis a 17 de Maio de 2011 às 17:40
Nao és o primeiro a gostar deste texto... :))


De antoniomaia a 17 de Maio de 2011 às 18:11
disse que era fixe, não disse que gostava, quis dizer consistente, que não abana :)

embora não ache o parágrafo final brilhante, como merece o texto :) mas já estava a ver a técnica e o importante é que me criou emoção e isso é o mais importante :)

estou a meter-me contigo, claro :)

fica bem, tesouro
venero-te


De FlordeLis a 17 de Maio de 2011 às 22:45
Qual foi a parte em que se estava a meter comigo?... que nao acha o paragrafo brilhante, ou que lhe tenha criado alguma emoçao? :)


De antoniomaia a 17 de Maio de 2011 às 23:21
meti-me sempre, quando neguei que não gostava, quando disse, fixe. quando disse que o parágrafo não estava brilhante, quis picar um bocadinho e quando pensei em chamar-lhe "tesouro"
até a veneração é exagerada

não disse que provocou alguma emoção

falei em emoção, chamei-lhe tesouro e logo mudou o tratamento, passei a ser tratado por mestre, suponho :)

raízes fortes!

venerando-a, princesa


De FlordeLis a 18 de Maio de 2011 às 08:32
Ah pronto, assim fico mais descansada...
Até porque nao iria concordar consigo quanto ao parágrafo.


Memoriza comigo...

Memórias Passadas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Categorias

amigos(1)

aniversário(1)

ano novo(1)

contos(50)

dedicação(1)

desafios(2)

diário(74)

memórias(5)

musicas(1)

nadas(1)

natal(1)

páscoa(1)

pensamentos(16)

pequenos nadas(3)

poesia(20)

prémios(2)

registos(7)

todas as tags

Protected by Copyscape Duplicate Content Protection Tool