Terça-feira, 5 de Maio de 2009

Conto (5ª parte)

Algumas semanas passaram.

Muitos dias passaram também em que não atendi as tuas chamadas, em que apaguei as tuas mensagens sem ler, em que não abri a porta quando voltaste a tocar a campainha uma e outra vez.

Tiveste a infeliz ideia de esperares por mim perto do meu local de trabalho, é claro que aproveitei para te dizer tudo aquilo que tinha visto e que pensava a respeito, não talvez com tanta delicadeza como estou aqui a descrever, mas terminei arrematando para pensares melhor no que andavas a fazer.

Saíste cabisbaixo, nunca mais te voltei a ver depois desse dia. Nem eu esperava outra coisa.

Depois desse episodio, a minha vida voltou ao normal, agora definitivamente sozinha, e livre para o me desse na real gana.

Definitivamente, teriam acabado as esperas particularmente irritantes, as desculpas sem nexo, ou incrivelmente óbvias.

Agora sim, sentia-me totalmente dona do meu tempo e espaço.

Já sentia falta de alguém particularmente especial, de alguém que alterasse o meu ritmo de vida sempre demasiado concentrado em trabalho, e em tudo o que me rodeava menos em mim e para o amor, se é que era isso que me apetecia naquele momento.

Nem eu mesma sabia, mais uma mágoa, mais um ressentimento, não obrigada. Também não me sentia com grande vontade de conhecer pessoas novas, de frequentar um ou outro bar, para travar conhecimentos, definitivamente já tinha passado essa fase, agora só de pensar nisso, porque alguém me lembrava quase instintivamente que precisava de sair, espairecer, ainda me fazia querer estar mais em casa, em paz e sossego como tanta vez o dizia para mim mesma e em voz alta.

Mas naquela noite a Paula tinha-me convencido, desculpando-se que precisava de conversar comigo, embora eu soubesse de antemão que seria apenas mais uma desculpa para me tirar de casa, de que qualquer outra coisa, mas por via das duvidas, assenti ao pedido dela.

 

 

 

 


Escrito por FlordeLis às 01:28
| Vossas memórias | Devaneios (3)

Memórias Recentes

...

Para ti...

Fonte

Memórias Passadas

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Protected by Copyscape Duplicate Content Protection Tool